Ansiedade! Faça as pazes com essa vilã

Ansiedade. Faça as pazes com essa vilã - Bruna Salis coach e terapeuta

Ansiedade: se você sente isso, parabéns! Você é humano! E aqui neste texto vou abordar sobre a ansiedade que todos nós sentimos. Não vou entrar no mérito dos transtornos de ansiedade, como TAG (Transtorno de ansiedade generalizada) que é amplamente abordado pela psiquiatria e demais áreas de saúde.

O fato é que a ansiedade que todos nós sentimos pode ser muito desconfortável. Ela, a ansiedade, é, em sua natureza, uma emoção referente a um evento futuro.
Pode ser uma prova, uma conversa, um encontro, uma cirurgia, uma cerimônia… Eu não sinto ansiedade em relação a algo que passou. Posso sentir várias outras emoções em relação ao passado, como arrependimento, por exemplo.

A ansiedade é uma emoção que surge na preparação para o evento. A função dela é me chamar a atenção para essa preparação. É como se ela me dissesse: Ei, olhe para a sua preparação. Veja o que você já tem de recursos para esse evento e o que você ainda precisa preparar.

Mas como a maioria de nós não tem uma relação boa com a ansiedade, começamos então um esforço enorme para tentar tirar a ansiedade de dentro da gente. E adivinhem?! Quanto mais eu penso em tirar, mais ansiedade eu sinto!

O caminho para diminuir de intensidade o desconforto que ela produz é fazer o que ela está pedindo. Experimente olhar então para a sua preparação e checar o que já está pronto. O que precisa ser feito ainda? Quais recursos eu já tenho para preparar o que precisa ser feito e quais eu preciso buscar?

Atendendo a esses pedidos, o desconforto dela vai diminuir. Sim, diminuir! Ela vai nos acompanhar durante todo o processo de preparação. E felizmente isso acontece! Porque se não tivermos esse alerta ligado, não vamos nos comprometer com a preparação. Quem aí já passou pela experiência, por exemplo, de achar que já sabia tudo para uma apresentação de trabalho, não preparar nada, e por mais que soubesse do assunto a apresentação foi um fiasco?

Pois então! Hora de fazer as pazes com a sua ansiedade! Ela é sua aliada, sô! E veja só: só tem ansiedade quem é comprometido com algo. E vamos combinar que ser comprometido é um recurso e tanto para alcançarmos os nossos objetivos, não é mesmo?! Então tá liberado sentir ansiedade! Boa preparação pra você ?

Ah, e se você acha que alguém que tem dificuldade para lidar com a ansiedade precisa ler isso, compartilhe!

Bruna Salis

Como Terapeuta e Trainer em PNL - Programação Neurolinguística, eu acredito ser possível auxiliar as pessoas a encontrarem em si mesmas os recursos internos para uma vida mais leve e feliz.

Clique aqui para deixar um comentário abaixo

Deixe a sua resposta: